Friday, October 03, 2008

telefonemas e outras histórias

Há uns dias uma velhota ligou cá para casa e perguntou "É da Universidade Seniore?" (sim, dito assim mesmo). Lá lhe disse que não, que era engano e blah blah blah. Voltou a ligar uma vez. E outra. E mais outra. Várias vezes. Algumas vezes atendi, outras (com alguns remorsos) não. Então, lá me veio à ideia procurar o número da tal Universidade Seniore (espero sinceramente que se trate da Sénior) na net. Ring-ring! "Sim, fala da Universidade Seniore?" Perguntei qual é que procurava, em que zona e dei-lhe o número. Nunca mais me ligou.

Agora tenho saudades dos telefonemas da velhota. Falar com estranhos ao telefone nem sempre é perigoso. E por causa desta história dos telefonemas veio-me à lembrança uma outra história, essa deliciosa. Conheci-a através desta fotografia. Trata-se de uma senhora que há uns anos, no primeiro dia do ano se pôs a pensar na vida e em como queria começar o ano. Então escreveu num pedaço de papel palavras como Hope (esperança), Love (amor), Peace (paz), Joy (alegria)... Depois pegou na lista telefónica e procurou pessoas que tivessem como apelido as ditas palavras. O próximo passo foi ligar para cada uma e desejar-lhes um feliz ano novo, cheio de paz (ou amor, alegria, esperança, conforme o apelido). Algumas pessoas estranharam. Mas ao fim de alguns anos deste ritual anual, algumas delas já aguardavam o seu telefonema. Ela chegou até a visitar uma senhora.

Não é uma ideia absolutamente genial? Uma dádiva tão simples.

É claro que funciona melhor no inglês. Afinal, quem é que tem apelidos destes em Portugal...?

4 comments:

Mila said...

amei a história, pena que por vezes nos falte a coragem para sairmos de nós e irmos ao encontro do outro...

by shana.. said...

ahh! olha que até se encontra..
Paz - telefonas para a Graça e Paz, a deusa da handmade furniture.

Esperança- é o que não faltam são Marias Esperança.

Alegria... ALEGRE- Manel Alegre!
e AMOR, parece difícil mas é o que há mais: eu estou sempre a ouvir pessoas a chamarem umas pelas outras "Amor, anda cá", "Amor, faz isto", "amor, não sejas parvo".

:P

Rute Carla said...

ehehe..."amor"!
As coisas simples... sempre as mais bonitas, especias e importantes!

zarah said...

Pois é... a Graça Paz. PAra ela era um telefonema 2-em-1!
A dupla XTmóveis é um sonho, realmente :)